PARASHAH – NITZAVIM

51. NITZAVIM
Devarim (Dt)29:9 – 30: 20

Nitzavim – começa com uma grande reunião, todos, pequenos e grandes, simples lenhadores a oficiais, homens e mulheres, até o estrangeiro, todos sem exceção! Entendo que a ênfase descrita nos pasukim 9 e 10 serve para nos alertar ainda hoje, da necessidade de que todos caminhem para um mesmo lado, caso contrário nem todos teriam sidos orientados para que lado puxar. Viria a desordem.

No presente caso, a grande assembléia era para prepararem-se para entrarem no pacto do Eterno e para receberem materialmente a promessa que D-us fez a Avraham, a terra que mana leite e mel.

Verificando o texto contido no pereq 29 pasukim 13 ao 18, podemos notar de forma clara o propósito de D-us, ou seja, a bênção ou a maldição, ou servem a D-us ou servem do inimigo de nossas almas. Acredito que todos ao lerem este texto tomaram consciência que aquele momento não era só para aquela época, era para os que ali estavam e para os que também não estavam, qual seja, o pacto foi para todos em todo o tempo que vivermos aqui neste mundo, pois D-us é eterno.

Adiantando para o pereq 30, pasuk 6 temos: Também o Eterno teu D-us circuncidará o teu coração, e o coração de tua descendência, a fim de que ames ao Eterno teu D-us de todo o teu coração e de toda a tua alma, para que vivas. Este texto não só comprova o que afirmei supra, mas especialmente prova o quanto devemos amar a D-us, quanto devemos somente a Ele adorar, não é só de palavras de todo o coração e toda a alma. Estas palavras finais me leva para o Tehilim (Salmos) 42:1 Como a corsa brama pelas correntes das águas, assim suspira a minha alma por Ti, ó D-us! – Amém veAmém! –

Tua alma suspira para com D-us? Ou só na hora do sufoco?

Continuando ainda no Tehilim, vejamos: Alegrei-me quando me disseram: Vamos à Caso do Eterno! (122:1). Como é gostoso estarmos em comunhão com D-us. Nos dias atuais não temos o Templo, mas acredito que pelo fato de estarmos vivos, D-us habita em cada um de nós, assim sendo o meu corpo, o teu corpo é um Tempo de D-us. Então, Adoremo-Lo!

No pereq 30, pasuk 19 lemos: O céu e a terra tomo hoje por testemunhas contra ti de que te pus diante de ti a vida e a morte, a bênção e a maldição; escolhe, pois, a vida, para que vivas, tu e a tua descendência.

Este texto é uma declaração perpétua, então tenhamos muito cuidado como conduzimos nossas vidas, pois podemos nos enveredas para a morte ou para a vida, não a terrena, mas espiritual. Também alerta que a escolha é nossa em direção a benção ou a maldição e segue um grande conselho Divino – escolhe, pois, a vida, para que vivas, tu e a tua descendência –.

Que ao iniciarmos 5775 possamos fazer a melhor escolha !

CHAG SAMEACH YOM TERUAH VESHABAT SHALOM !
Mosheh ben Mazal


MENSAGEM DO EMBAIXADOR DE ISRAEL

Mensagem do Embaixador de Israel, Sr.Rafael Eldad, à comunidade judaica do Brasil, por ocasião de Pessach 5775 / 2014 Caros irmãos da comunidade judaica, Nos próximos dias, estaremos celebrando o Pessach, uma das festas mais importantes e tradicionais do calendário judaico, que relembra ao povo de Israel o êxodo do Egito rumo à terra prometida [...]


Continue lendo MENSAGEM DO EMBAIXADOR DE ISRAEL

HOJE, 15 ANOS DO KEHILAH.NET

No dia 27 de outubro de 1998, após o Cabalat Shabat o Julio (Z.L.) e eu apresentamos o site para a nossa comunidade – www.kehilah.org.br –, sendo aprovado por todos os presentes. Passaram quinze anos e muitas coisas aconteceram, fatos positivos e apenas um marcou negativamente, a perda do webmaster Julio, ainda hoje sentimos sua [...]


Continue lendo HOJE, 15 ANOS DO KEHILAH.NET

A Garota da Maçã

O que é o destino… A garota da maçã Agosto de 1942 – Piotrkow, Polônia.   Naquela manhã, o céu estava sombrio, enquanto esperávamos ansiosamente. Todos os homens, mulheres e crianças do gueto judeu de Piotrkow tinham sido levados até uma praça. Espalhou-se a notícia de que estávamos sendo removidos. Meu pai havia falecido recentemente [...]


Continue lendo A Garota da Maçã

Visão de Futuro

José de Abreu não perde tempo. O ator já faz planos para depois de Amazônia: de Galvez a Chico Mendes, minissérie de Glória Perez que estréia no início do ano que vem. Ele vai produzir o filme Uma carta para o Futuro – A Gênese da Imigração Judaica no Brasil. O longa, em tom de [...]


Continue lendo Visão de Futuro

Tres Israelenses na Bienal de São Paulo

A 27ª edição da Bienal de São Paulo conta com a participação de três artistas israelenses: Miki Kratsman, Yael Bartana e Aya Ben Ron. Através de fotografias e vídeos, os três apresentam seu olhar sobre Israel e as peculiaridades que cercam o país, em sintonia com o tema da mostra, “Como Viver Junto”. Nascido em [...]


Continue lendo Tres Israelenses na Bienal de São Paulo

Conferência das Comunidades Judaicas da América Latina

De 16 a 19 de novembro de 2006. Realização: Masorti Olami e World Union for Progressive Judaism Mais detalhes, como programa, agenda, inscrições e como chegar lá, você encontra clicando aqui.


Continue lendo Conferência das Comunidades Judaicas da América Latina

Dica de leitura (4)

Judaísmo Para o Século XXI: o Rabino e o Sociólogo Bernardo Sorj e Nilton Bonder O rabino Bernardo Sorj e o sociólogo Nilton Bonder tratam sobre questões existenciais e de identidade a partir de suas raízes judaicas. Debatem sobre como será o judaísmo do século XXI.


Continue lendo Dica de leitura (4)

MATISYAHU

Matisyahu nasceu em 1979 com o nome de Matthew Miller e passou sua infância em Nova York, onde recebeu uma educação judaica tradicional. Fanático pela música desde pequeno, passou sua adolescência escutando reggea e hip-hop, ao mesmo tempo que começou a estudar música. Perto dos 20 anos, aproximou-se do judaísmo chassídico, onde recebeu o nome [...]


Continue lendo MATISYAHU

O regresso da “Tribo Perdida”

Um grupo de 218 pessoas de uma remota aldeia montanhosa do nordeste da Índia e que reivindicam serem descendentes de uma das tribos perdidas de Israel, estarão imigrando para Israel, pela primeira vez reconhecidos como judeus. O “aliyah” – retorno à sua terra – destes membros da comunidade Bnei Menashe a Israel é um ponto [...]


Continue lendo O regresso da “Tribo Perdida”

Ódio aos judeus: um vírus mutante

Por Edward Rothstein Tradução livre: Diana Wang En el congreso sobre antisemitismo que tuvo lugar esta semana en el Center for Jewish History (Centro de Historia Judía), un panelista contó este chiste judío clásico: Un judío se ofreció como anunciador en una radio y fue rechazado. Un amigo le preguntó por qué. “Es sencillo” y [...]


Continue lendo Ódio aos judeus: um vírus mutante